III Encontro Internacional de Museus e Coleções de Escultura

Tejné. Por uma história material da escultura

21 e 22 de outubro, Valladolid (Espanha) – Museo Nacional de Escultura

Bronze dourado, mármore de Carrara, madeira de tília, cera colorida sobre gesso… Estes dados contidos nas fichas técnicas das obras de arte nos museus são lidos, com frequência, como uma indicação rotineira, irrelevante e neutra. E, no entanto, seu papel na invenção da obra é decisivo: são essas substâncias físicas que evidenciam seu pertencimento ao campo da arte. E mais ainda no caso da escultura, onde o tangível da matéria, o gesto técnico ou a operações na “cozinha” do ateliê implicam consequências estéticas decisivas.

O propósito deste Encontro é aprofundar o conhecimento da “cultura dos materiais”, resgatando-os de sua inferioridade criativa e recuperando a circularidade entre a imaginação e as mãos do criador.úblico

O Encontro, destinado a profissionais de museus, pesquisadores, professores e interessados pela arte da escultura, será realizado no âmbito da exposição temporária “Últimos fogos góticos. Escultura alemã do Bode Museum de Berlim”.

Mais informações