Caminhão Museu Sentimentos da Terra

Institución: Universidade Federal de Minas Gerais/Departamento de História

Teléfono: +55 (31) 34096498

Email: projetorepublica@ufmg.br

País: Brasil

Año: 2017

Premios: 3º Lugar. Categoría I

Sinopse

Sentimentos da Terra é uma exposição que percorre todo o país em um Caminhão Museu, contando a história das lutas do povo brasileiro pelo direito à terra. O Museu faz circular ideias e permite apresentar debates, personagens e acontecimentos muitas vezes já esquecidos, além de fornecer repertórios em várias áreas do conhecimento, como história, geografia e literatura.

O Museu é um caminhão moderno, equipado com tecnologia de ponta de informação, circulação de conhecimento e entretenimento. Ele cruza as estradas brasileiras e quando chega a uma cidade ou vilarejo, desdobra-se, durante alguns dias, em um centro de difusão de conhecimento e de lazer. Seus ambientes combinam o rigor intelectual do conteúdo apresentado com o potencial de experiência sensorial do visitante através da construção de ambientes lúdicos, da apresentação interativa dos temas e da montagem de ambientes de imersão. São utilizados recursos cênicos, cinematográficos e videográficos para criação de linhas narrativas que convidam o visitante a descobrir e a participar da história que se pretende contar.

O Caminhão Museu possui vários ambientes e atividades para circulação lúdica do conhecimento e para entretenimento e pode funcionar de manhã à noite. O baú modificado, planejado e executado com exclusividade para o projeto, comporta, em si próprio, toda a estrutura das exposições – projetores, computadores, mesas, cadeiras, televisões, etc.

Quando aberto, o baú triplica de tamanho, e comporta os seguintes espaços: 1. Duas salas de vídeo, onde são exibidos vídeos de computação gráfica feitos especialmente para apresentar as narrativas e abordar os principais temas identificados pela pesquisa. Cada sala tem capacidade para receber até 15 pessoas por sessão; 2. Espaço da Imaginação, com seis computadores, cardápio de vídeos e canções, mesa de leitura e biblioteca com livros sobre arte, fotografia, geografia, história, costumes e tradições; 3. Tela Interativa com um menu com a programação do
Caminhão Museu e uma seleção de reportagens atuais sobre o problema agrário brasileiro; 4. Galeria Grandes Personagens com o perfil de oito personagens-ícones das lutas e da história do campo brasileiro; 5. Contadores de Histórias caracterizados que montam maquetes com personagens e cenários, à medida que descrevem os diversos movimentos e episódios abordados pelas linhas narrativas do Caminhão Museu; 6. Tenda e Cenários para caracterização com roupas temáticas de época, para que os visitantes tirem fotos de lembrança vestidos como personagens da história brasileira; 7. Caraoquê com canções sobre a temática rural.

O Caminhão Museu atende um público amplo e heterogêneo, e combina descoberta, aprendizado e troca de conhecimento. Com concepção e curadoria da professora Heloisa Maria Murguel Starling, e projeto museográfico de Gringo Cardia, seu conteúdo resulta de pesquisa realizada pelo Projeto República: centro de pesquisa, documentação e memória, da Universidade Federal de Minas Gerais.

Objetivos

Generales

  • Estabelecer as condições necessárias para ampla disseminação da informação e dos conteúdos produzidos pela Universidade Federal de Minas Gerais no âmbito da educação para a cidadania e para os direitos humanos e a difusão do conhecimento;
  • Criar recursos para formulação, aprendizado e divulgação da história do campo brasileiro;
  • Fornecer procedimentos de apropriação, interpretação e reelaboração desses conteúdos pela sociedade brasileira.

Específicos

  • Apresentar, através da construção de ambientes lúdicos interativos e de imersão, a narrativa sobre a história do campo brasileiro, seus termos, conflitos e personagens;
  • Incentivar uma leitura transversal e múltipla do significado e da historia do campo brasileiro, destinada a um público não especializado e estimulá-lo
    a produzir seus próprios percursos para obtenção de informação e de conteúdo;
  • Apresentar para a sociedade brasileira o direito ao conhecimento ligado intrinsecamente ao significado contemporâneo da noção de cidadania. Cidadania inclui a necessidade de formação, informação e participação do indivíduo nos procedimentos de construção de uma cultura e de uma imaginação política que não repudia sua própria historicidade, pero, ao contrário, pretende dar conta dela, seja pela participação nos valores que ela enuncia, seja por se reconhecer nos processos de construção de seus múltiplos conteúdos;
  • Aliar produção de conhecimento e reflexão teórica em diferentes linguagens próprias ao campo das ciências humanas e sociais a suportes audiovisuais de divulgação de conhecimento, criados em formatos acessíveis a um público não especializado;
  • Criar formas de divulgação do conhecimento acessíveis à comunidade em geral, oferecendo a ideia da pluralidade e do diálogo possível de abordagens sobre conteúdos políticos e situações históricas determinadas.

Ficha Técnica

Responsable del proyecto: Heloisa Maria Murgel Starling

Cargo o función: Professora Titular