Heróis do Museu – Observatório Museu/Escola

Instituição: Museu da Comunidade Concelhia da Batalha

Telefone: (+351) 244 769 878

Email: geral@museubatalha.com

País: Portugal

Ano: 2017

Prêmios: Menção de honra

Sinopse

O projeto Heróis do Museu – Observatório Museu/Escola nasce da iniciativa do Núcleo de Educação do MINOM Portugal (Movimento para a Nova Museologia – organismo sem fins lucrativos, filiado do Conselho Internacional dos Museus) e realiza-se em Portugal, através dos seguintes intervenientes: – Museu da Comunidade Concelhia da Batalha (MCCB), sob a tutela do Município da Batalha (região centro); – Casa-Museu João Soares de Cortes, sob a tutela da Fundação Mário Soares (região centro) – http://www.fmsoares.pt/casa_museu/; – Museu do Traje, de São Brás de Alportel, sob a tutela da Santa Casa da Misericórdia local – Algarve (região sul) – http://www.museu-sbras.com/.

A principal missão deste projeto é a de encontrar e divulgar fórmulas para garantir que os jovens ganham afeto pelos museus e seus valores culturais nos anos iniciais da sua vida escolar, para que na idade adulta sejam conhecedores e defensores do património e utilizem a cultura como uma ferramenta de desenvolvimento social.

Os museus intervenientes desenvolvem, ao longo do ano letivo, diversas atividades em parceria com as instituições escolares locais, autarquias e monumentos locais, visando o envolvimento das crianças nos museus. Na Batalha (MCCB), o projeto integra todos os alunos do 3º ano do primeiro ciclo (cerca de 8 anos de idade) do Agrupamento de Escolas da Batalha, designados “Heróis do Museu”.

Desta forma, trabalhando com um ano letivo em específico, assume-se que todos os alunos participam no projeto em idade escolar. Ao logo do ano são realizadas diversas iniciativas que incluem visitas ao MCCB, visitas ao património da Vila da Batalha, incluindo o Mosteiro de Santa Maria da Vitória (monumento classificado pela UNESCO), e uma visita pelas técnicas do museu à escola, que tem por objetivo a atribuição de diplomas de “Heróis do
Museu”, bem como recolha de árvores genealógicas das famílias dos alunos, realizadas na sala de aula e em família, como desafio do projeto. Estes trabalhos são, depois, expostos na Biblioteca Municipal da Batalha, para serem usufruídos a toda a comunidade

Objetivos

  • Promover e acompanhar programas de parceria e colaboração escola/museu, analisando a sua implementação e procurando melhorar os resultados.
  • Procurar que os programas sejam desenvolvidos em parceria entre técnicos de museus e professores de modo a integrar-se nas temáticas e disponibilidades de tempo das escolas e não constituam um acréscimo de trabalho suplementar, mas sim um complemento útil na educação em curso.
  • Encontrar e aplicar metodologias qualitativas e quantitativas de análise de resultados, através da definição e utilização de inquéritos e estudos dedicados. Estas análises procurarão ir ao encontro de resultados que não são acessíveis através dos sistemas tradicionais de avaliação dos museus, apenas fundamentados no crescimento de número de visitantes e na sua rentabilidade económica.
  • Desenhar com a experiência, modelos de colaboração fiáveis, que possam ser estendidos a outras escolas e outros museus.
  • Promover junto dos jovens a apreensão do valor da memória, do património e da cultura, como veículos de interculturalidade, de solidariedade e de desenvolvimento sustentado.
  • Garantir, num prazo razoável de tempo, que todos os jovens de uma determinada região/zona tenham um período suficiente de contato e de qualidade relacional aliciante com o museu para poder considerá-lo como seu.

Ficha Técnica

Responsável pelo projeto: Ana Moderno

Cargo ou função: Conservadora do Museu

Links

  1. http://museubatalha.com/